Prefeitura Municipal Chapadão do Céu/Go

Notícias

Chapadão do Céu continua no Mapa do Turismo de Goiás

O Mapa do Turismo de Goiás contém 79 municípios e 10 regiões turísticas, dentre elas o Pegadas no Cerrado

O Ministério do Turismo divulgou essa semana o novo Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021. Chapadão do Céu continua no Mapa do Turismo de Goiás, que contém 79 municípios e 10 regiões turísticas: Pegadas no Cerrado, Vale do Araguaia, Ouro e Cristais, Chapada dos Veadeiros, Negócios e Tradições, Estrada de Ferro, Lagos do Paranaíba, Águas e Cavernas do Cerrado, Vale da Serra da Mesa e Águas Quentes. Em ênfase, Chapadão do Céu é o município presidente do Pegadas no Cerrado. 

Este ano, doze municípios goianos saíram e outros oito entraram para o Mapa do Turismo Brasileiro. Além da necessidade de o município ter um órgão de turismo em atividade e conselho municipal de turismo funcionando, o novo mapa adotou outros critérios obrigatórios para a participação na plataforma: orçamento próprio destinado ao turismo, possuir prestadores de serviços turísticos de cadastro obrigatório registrados no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo, e apresentar Termo de Compromisso assinado pelo prefeito.

O Gerente de Estruturação de Destinos e Produtos Turísticos da Goiás Turismo e interlocutor do Programa de Regionalização do Mtur, Luciano Guimarães, lembra que o prazo para o envio da documentação iniciou em março deste ano, com ampla divulgação aos municípios. Os documentos foram analisados pela autarquia, que é responsável por inserir as informações no sistema do Mtur. Só depois disso, o ministério avaliza e divulga as cidades que preencheram os requisitos. Segundo Luciano Guimarães, integrar o Mapa do Turismo Brasileiro é fundamental para o município que pretende desenvolver seu potencial turístico. “O Mapa é uma ferramenta importante de recorte territorial que visa canalizar o uso de recursos públicos por parte do governo federal, além de ser uma grande vitrine. Infelizmente, quem saiu do Mapa deixou de considerar o Turismo como atividade prioritária”, afirmou.

O Presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, destaca que todos os projetos desenvolvidos pela autarquia priorizam os municípios que fazem parte do Mapa do Turismo. “Todos os projetos têm o olhar regional. O objetivo é fazer com que cada região, com suas características próprias, se desperte para a atividade turística”, informou.